quinta-feira, 30 de abril de 2015

PMDB desdenha dos protestos e diz que Impeachment é impossível


Milhares de pessoas vem se manifestando no país, mergulhado em uma crise política e econômica, contra a gestão do Executivo e a corrupção na Petrobras. “Compreendo as mobilizações políticas. Mas ainda estamos muitoperto das eleições, quando se obteve uma vitória estreita. A postura da oposição é natural, mas são poucos os que promovem uma troca na presidência. Geraria instabilidade e seria negativo para o Brasil”, concluiu.
Temer, presidente do PMDB e figura presente na vida política nos últimos 30 anos, considera “impensável” a convocação de eleições antecipadas, apesar da perda de popularidade de Rousseff.Viajo
u a Portugal e Espanha com a intenção de transmitir segurança para as empresas que quiserem investir no Brasil. “O ajuste econômico não está fazendo com que o país perca. Ao contrário, permitirá continuar crescendo.
O vice-presidente descartou um recrudescimento dos protestos que, nos últimos meses, se espalharam pelo Brasil. “Tenho a sensação de que esses dois momentos já passaram. Na primeira mobilização houve mais participantes do que na segunda”, precisou. “Foi dada voz à classe média. Começaram a exigir. Mais ética, melhor comportamento na política. E as exigência são cada vez maiores. Por isso os movimentos sociais não assustaram o Governo. Quase comemoramos.”

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivo do blog

NÃO LISTA

Contato