sexta-feira, 8 de maio de 2015

Estudantes e docentes da Uepa protestam também em Cametá

Estudantes da Universidade do Estado do Pará (UEPA) de Cametá, como também de Igarapé-Açu e São Miguel do Guamá, além do Sindicato dos Docentes da universidade (Sinduepa), protestaram sobre corte de investimento por parte do governo Simão Jatene.

A Universidade do Estado do Pará (Uepa) informa, em nota, que todas as reivindicações do comando de greve foram respondidas formalmente na última semana. Contudo, esclarece que foi garantida pelo governo do Estado, após tratativas com a Gestão Superior, a realização imediata de concurso público para professores e técnicos administrativos; a ampliação das vagas do atual Plano de Cargos, Carreiras e Salários (PCCS), a fim de realizar concurso público e a progressão dos docentes. A universidade diz ainda que o pagamento do piso já está sendo cumprido no contracheque do mês de abril e o governo deve repassar a universidade suplementação orçamentária para reformas dos campi, compra de equipamentos e materiais bibliográficos.

Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivo do blog

NÃO LISTA

Contato