segunda-feira, 22 de junho de 2015

70% dos cametaense querem redução da maioridade penal

Com 323 votos a favor, a Câmara dos Deputados acaba de aprovar a PEC que reduz para 16 anos a maioridade penal nos casos de crime hediondo, homicídio doloso e lesão corporal seguida de morte.
 A proposta é um instrumento contra a impunidade, principal estímulo à criminalidade, e por respeito aos 87% da população brasileira que apoiam a redução da maioridade penal.
No municipio de Cametá a FOLHA DE CAMETÁ fez uma pesquisa nas  vilas do Carapajó, Curuçambaba, Vila do Porto Grande, Juaba, Vila do Carmo, São Benedito e Bom Jardim. Segundo a publicação, 70% dos entrevistados são favoráveis à mudança na maioridade, 16% são contra, 4% é indiferente e 10% não soube responder.
Dentre os entrevistados que pedem a redução, 63% defendem a mudança para qualquer situação, enquanto 37% a querem somente para determinados crimes.

Os menos escolarizados são os que mais defendem a redução. Dentre os que têm apenas ensino fundamental, 90% querem a mudança. Na fatia com curso superior esse percentual cai para 78%.
A pesquisa ouviu 240 pessoas,  margem de erro de 4 pontos percentuais.
Na semana passada, uma comissão especial na Câmara aprovou uma proposta de redução da maioridade penal apenas para crimes hediondos. O projeto será votado no Plenário da Casa e, se for aprovado em duas votações, segue para apreciação do Senado.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivo do blog

NÃO LISTA

Contato