quinta-feira, 25 de junho de 2015

Lula com medo de ser preso na "Lava jato" pede proteção do PT

O que parece é que o ex-presidente esta se adiantando caso sua prisão seja expedida pelo Juiz Moro, segundo informações Lula usa a influencia para que isso não se concretize, pede nos bastidores que o PT entre em ação.
Mais o que se sabe é que seu advogado fez um pedido de habeas corpus preventivo para o ex-presidente, mas foi negado pelo desembargador João Pedro Gebran Neto. O habeas corpus foi impetrado por um consultor junto ao Tribunal Regional Federal da 4ª Região, sediado em Porto Alegre, contra o Juízo Federal Criminal Federal de Curitiba, que coordena as ações da Operação Lava Jato.
Lula já havia confessado a aliados o seu temor de se transformar em alvo da Lava Jato, sofrendo mandados de busca e apreensão, de condução coercitiva ou mesmo de prisão.
O habeas corpus de Lula foi distribuído para o desembargador João Pedro Gebran Neto, do TRF-4, que julga recursos de implicados na Operaçao Lava Jato. O habeas corpus foi impetrado naquele tribunal porque ele tem jurisdição sobre os estados do sul, incluindo o Paraná. No pedido, Lula aparece como solicitante e o juiz Sergio Moro como requerido.
O assunto do processo nº 5023661-46.2015.4.04.0000 tem como assuntos a "Lavagem ou Ocultação de Bens, Direitos ou Valores Oriundos de Corrupção"  e também a "Prisão Preventiva" e como “impetrante”, ou autor da ação, o ex-presidente Lula. 
A assessoria de imprensa do Instituto Lula negou ao Diário do Poder que o ex-presidente ou qualquer representante, seja o autor da ação, que tem como ação originária um dos processos no âmbito da operação Lava Jato, contra o ex-diretor da area Internacional da Petrobras Nestor Cerveró.
Fonte: texto adaptado do Jornal Diário do Poder.
Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Arquivo do blog

NÃO LISTA

Contato